S2 Sejam bem VindOOoooosss s2

"O poeta carrega o mundo nos ombros e é o mínimo que faz."
(Francisco Miguel de Moura)
Declaro que TODOS (Absolutamente Todos) os Textos são de minha inteira autoria.As Frases,textos ou Citações que não forem receberão seus devidos autores.Não copie ou pegue partes,apenas crie os seus...

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Sem Identidade


- Oi,prazer meu nome é ninguém! eu sobrevivo diariamente no colo do mundo que me cobre com os seus braços mais não me protege, que me da um céu que não me afasta da chuva e nem dos ventos. costumo anda sem direção procurando coisas para saciar a minha fome, fome de corpo, fome de alma. não tenho esperança pois nem ao menos sei o que é isso, não sou habituado a chorar pois a tristeza que cobre meu corpo e meu coração secaram minhas lagrimas, e meus sonhos não existem pois nem ao menos sei o que é bom, então não posso sonhar!


A minha pouca vida é feita de esperar, não algo bom, mas espera um dia apos o outro passar e espera a hora de não estar mais aqui, de não estar mais respirando, espero um olhar de um mundo que para mim não existe, pelo simples fato de eu não existir para ele. eu gostaria de ter o que esperar....


Não sei o porque estou aqui, nem porque sofro tanto, nem porque não olham pra mim e me ajudam, porque não dividem comigo seus pães, seus cobertores, seus incontáveis brinquedos, seus direitos humanos...
será que não sou gente? porque não tenho identidade? porque não sou feliz?


Denise Rodrigues

3 comentários:

Danynha Love disse...

Com sempre amigaa - vc mi faz choraar =(
mais táa muitoo lindooo *-*

Malu disse...

E quantos tem por aí sem identidade, sem algo que o personifique.
Isso é muito triste e real.
Abraços

Sensibilidade a navegar com poesias disse...

Difícil acreditar que com a evolução pessoas ainda passem fome no mundo...parabéns pelo tema...